Terça-feira, 23 de Janeiro de 2007

Vénus



nas marés imersas no perpétuo
transito de Vénus
 
sentes a bombordo na espuma
o rosto incompleto da praia
 
imagina só
 
imagina se no perfil do escuro incendiado
todas as estrelas fossem da manhã



(c)Todos os Direitos Reservados LFMarques às 12:51
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Domingo, 7 de Janeiro de 2007

Chá


 
I
 
e i a as a   o ai   a á ua e e e
e o a o   o u e ei a a   ai
a   o ao e
 
e u e a a e a a a o o o   as   o e a
ã
 
é o   á e e i e ue a eu e
a    e i o   á e a a   e o o e a
 
i ia
 
II
 
r t r v s s v g s d   g   f rv nt
n v p r    l m d x v s c r
s c ns nts
 
f m g v p l c s     d r d s pr m ss s
v s
 
ch d g ng br q    q c
m s pr f r ch   d   s s d b rb l t s
 
d z s
 
III
 
retiravas as vogais da água fervente
e no vapor do lume deixavas cair
as consoantes
 
e fumegava pela casa o odor das promessas
vãs
 
 
é o chá de gengibre que aquece
mas prefiro chá de asas de borboletas
 
dizias



(c)Todos os Direitos Reservados LFMarques às 00:13
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
Segunda-feira, 1 de Janeiro de 2007

Recomeço


em cada recomeço lá estão
as tecedeiras
os fios
 
e nós ali
sentados a ver como se faz
calor
  
e é o linho virgem que revemos nos teares
 
que Janus tece



(c)Todos os Direitos Reservados LFMarques às 20:46
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito

. ver perfil

. seguir perfil

. 12 seguidores

.pesquisar

 

.Dezembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.links

.posts recentes

. Chá de hibisco (III)

. Chá de hibisco ( II )

. Chá de hibisco ( I )

. Família feliz

. A caminho do mar

. O Vermelho da Rosa

. O Vulcão das Metáforas

. Todas as Palavras (VII)

. Todas as Palavras (VI)

. Todas as Palvras ( V )

. Toda as Palavras ( IV )

. Todas as Palavras ( III )

. Todas as Palavras ( II )

. Todas as Palavras ( I )

. Chegou o calor.

. Aplausos e pateadas!

. Loucura

. Falta de fé!

. Um novelo uma Rosa

. Onde fica?

.arquivos

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Agosto 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Março 2017

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Abril 2016

. Janeiro 2016

. Outubro 2015

. Agosto 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Agosto 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Dezembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Novembro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

.tags

. todas as tags

Number of online users in last 3 minutes
Locations of visitors to this page
SAPO Blogs

.subscrever feeds